LBXF
LIGA BRASILEIRA DE
XADREZ FEMININO

A Liga Brasileira de Xadrez Feminina (LBXF) é um movimento independente da comunidade enxadrística brasileira.

QUEM SOMOS?

Fundada em 2013, a Liga Brasileira de Xadrez Feminina (LBXF) é um movimento independente que reúne pessoas que se reconhecem na identidade feminina. Visamos a promoção, o desenvolvimento e o intercâmbio de enxadristas e demais agentes envolvidos com xadrez no país. Somos ativas através de um grupo de trabalho e núcleos de projeto para o fortalecimento de sua gestão, comunicação, organização de torneios, pesquisa e divulgação acadêmico - científica sobre o xadrez feminino, relações institucionais e articulação com responsáveis de evento da modalidade.

MISSÃO

Impulsionar o xadrez feminino nacional em todas as suas formas de manifestação.

VISÃO

Ser uma comunidade de referência e abrangência nacional para amadoras, profissionais e agentes envolvidas com o xadrez no país até 2025.

VALORES

  • Inconformismo e Inovação;
  • Sororidade;
  • Respeito à Diversidade;
  • Ética e Responsabilidade;
  • Trabalho em Equipe.

CONHEÇA AS VOLUNTÁRIAS DO GRUPO DE TRABALHO DA LBXF

Ana Vitória de Paula Rothebarth

Cuiabana, graduada em engenharia sanitária e ambiental e com especialização em administração industrial. Representou clubes de xadrez de diversas cidades do Brasil, trabalhou em instituições de ensino como monitora e instrutura, e organizou diversos eventos no esporte. Por suas conquistas no xadrez, obteve reconhecimento do Comitê Olímpico Brasileiro como Atleta da Década (2000-2010) e recebeu o Prêmio de Melhores do Ano pela Confederação Brasileira de Desporto Universitário (2010). COnfigura-se entre as dez melhores jogadoras ativas do país e tem a titulação de Mestre FIDE Feminino (WFM).

Bárbara Ribeiro Araújo

Brasiliense, graduada em Pedagogia pela Universidade de Brasília. Enxadrista desde criança, atua como professora e técnica de xadrez. É campeã Brasiliense Standard (2000), campeã brasiliense blitz (2022) e Bi-campeã Rápido (2022 e 2023) e possui o título de Mestre Nacional Feminina. Atualmente é a segunda vice-presidente da FBX e já atuou como diretora de assuntos femininos da FBX e do clube ALEX. Bárbara também atua como parceira do Chess.com e embaixadora do ChessKidPT. Também apresenta e produz juntamente com a Taís Julião o Podcast de Xadrez “Exclama Duas”.

Cristiana Fiusa Carneiro

Paulistana, graduada em Direito, Pedagogia, Psicologia e pós-graduação em Neurociências. Aprendeu a jogar xadrez com seu pai e aos 12 anos, começou a ter aulas formais de xadrez e rapidamente se apaixonou pelo jogo. É Mestre Nacional Feminina, foi Campeã Paulista nas categorias Cadetes (sub 16) e Infanto-Juvenil (sub 18) em 1989, Campeã Brasileira nas categorias Infanto-Juvenil (sub 18) e Juvenil (sub 21) em 1990. Representou o Brasil em competições internacionais, participando dos Mundiais de Xadrez em Porto Rico (1989), Cingapura (1990) e Chile (1990), além de competir no Pan-americano. Atualmente, dedica-se ao xadrez terapêutico, ministrando aulas para o grupo de xadrez da terceira idade em um clube de São Paulo. Também está envolvida no xadrez escolar, lecionando em três escolas na Capital Paulista, em um projeto social em Paraisópolis. Também é árbitra e organizadora de torneios escolares. Além disso, é assessora formadora no Programa Jogos de Tabuleiro (PJT) da Secretaria Municipal de Educação da Prefeitura de São Paulo. Acredita no potencial transformador do xadrez, vendo-o não apenas como um jogo estratégico, mas como uma ferramenta educacional e terapêutica capaz de enriquecer o desenvolvimento humano em todas as suas esferas e de promover mudanças significativas e positivas nas vidas das pessoas.

Gina Dourado R. Leite

Formada em Comunicação com habilitação em Produção em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal da Bahia com especialização em Gestão Cultural (EAD - SENAC) e Gerenciamento de Projetos (Faculdade Ruy Barbosa / DeVry University) e estudante de pós graduação de Xadrez Pedagógico e Técnico (EAD - Universila). Desde 2017 é oficial de programa na Wildlife Conservation Society, a cargo da gestão de projetos internacionais associados à conservação de ecossistemas aquáticos e também da gestão da comunidade da Aliança Águas Amazônicas. É fundadora e articuladora de Ô Rei, Clube de Xadrez baseado na Bahia.

Isabela Ribeiro Ferreira

Graduada em Pedagogia pelo Instituto Superior do Litoral do Paraná (2010). Pós- graduado em Neuropsicopedagogia, educação especial e inclusiva. - 2018 Mestra em CTS (Ciências, Tecnologia e Sociedade) na IFPR (Instituto Federal do Paraná) campus Paranaguá -2020, com o tema da dissertação: Mulheres no Xadrez-Educação para a igualdade de gênero. Autora do livro: Xadrez-Um instrumento para o professor-Atividades Lúdicas. 01. ed. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2010. Professora do Ensino Fundamental I no Munícipio de Paranaguá/PR, projeto de xadrez Pedagógico desde 2016 na Escola Prof.ª Edinéa M. M Garcia. Tem experiência em Educação na Alfabetização e Xadrez Pedagógico. Enxadrista, mãe de enxadristas, árbitra e organizadora de eventos locais de xadrez.

Jéssica dos Anjos Januário

Professora, pesquisadora, árbitra, organizadora de eventos e treinadora de xadrez. Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Educação Física (PPGEF) da Faculdade de Educação Física (FEF) - Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) - Universidade de São Paulo (USP). Bacharel em Educação Física e Esporte pela Escola de Educação Física e Esporte de Ribeirão Preto (EEFERP) - Universidade de São Paulo (USP). Tem experiência na área da Educação, Sociologia, Educação Física e Esporte, com ênfase nos aspectos sociológicos, educacionais, socioculturais e pedagógicos do fenômeno esportivo. Atua, principalmente, nos seguintes temas: trajetória esportiva, herança cultural, xadrez e apropriações bourdieusianas.

Letícia Fritz Henrique

Carioca, enxadrista, pesquisadora e engenheira eletricista. Possui mestrado em engenharia elétrica e de telecomunicações e cursa doutorado em energia elétrica na área de transição energética. Foi uma das fundadoras do Women in Engineering (WIE) do Ramo Estudantil do Instituto dos Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE) da Universidade Federal Fluminense (UFF), contribuindo com promoção de eventos, workshops e cursos para a inclusão de gênero na engenharia. Atualmente, é responsável pela coordenação feminina do Clube Municipal no Rio de Janeiro.

Liziane Nathália Vicenzi

Jornalista, mestre em Jornalismo e doutoranda em Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), na área de sociologia do esporte. É pesquisadora do SÔMA – Núcleo de Estudos em Corpo, Cultura e Movimento. Pesquisadora em mulheres no esporte, profissionalização e amadorismo de mulheres no xadrez em Santa Catarina e no Brasil. Assessora de Comunicação do Festival Floripa Chess Open desde 2017. Assessora de Comunicação e vice-presidente do Clube de Xadrez de Chapecó. Árbitra Nacional, divulgadora de eventos de xadrez e fotógrafa amadora.

Raynara Candisse Esmeraldino

Catarinense, está finalizando a graduação em Ciências Sociais na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), pesquisadora, é monitora do grupo de Xadrez da UFSC, voluntária do Projeto Práticas Corporais e do Laboratório de Utopia (LUTA) da UFSC. Escritora amadora, gosta de divulgar arte-cultura brazuca com foco na catarinense, e recentemente tem divulgado xadrez. Tem um podcast chamado “Fermata (In)determinada” onde compartilha devaneios, entrevistas, arte-cultura, astrologia, xadrez e assuntos não tão aleatórios assim.

Regina Aparecida de Oliveira Biazon

É Pedagoga (UNESPAR) - Psicopedagoga Clínica e Institucional (UNINA) Especialista em Educação Especial, Gestão, Orientação e Supervisão Escolar. Atua na área educacional desde 2001. Professora, Pedagoga, Membro atuante no Conselho Municipal de Educação, Vice-presidente da Associação Mourãoense de Xadrez em Campo Mourão - PR. Árbitra de Xadrez, mãe de enxadristas.

Regina Ribeiro

Graduada em Educação Física pela Universidade de Blumenau (FURB). Ministra aula de xadrez em escolas há mais de 40 anos. É oito vezes campeã brasileira feminina de xadrez e integrante da seleção brasileira em 10 Olimpíadas. É também Mestra Internacional de Xadrez (WIM) e atualmente é a presidente do Clube de Xadrez de Blumenau.

Renee Brambilla

Formada em Comunicação Social com habilitação em Audiovisual pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Tem experiência na área de propaganda e marketing. Enxadrista desde 2002, foi campeã brasileira de xadrez Rápido e Blitz em 2021, representando o Brasil no mundial de xadrez Rapid & Blitz 2021- Warsaw, é Mestre Nacional Feminina de Xadrez.

Taís Julião

É Analista Técnica de Políticas Sociais no serviço público federal, bacharel e mestre em Relações Internacionais (UNESP e UnB), com pós-graduação na área de Direitos Humanos na Argentina (Universidad de Buenos Aires) e Espanha (Universidad Carlos III de Madrid). Enxadrista com atuações diversas na área desde 1995. É escritora, produtora de conteúdo sobre xadrez para a internet desde 2002 sob a marca “Xadrez de Quinta” em diferentes plataformas - Youtube, Instagram e Twitch -, com ênfase em Xadrez Feminino e História do Xadrez. Entre 1998 e 2011 participou de competições oficiais e foi vice-campeã paulista feminina em 2006. Foi co-fundadora do blog 'Xadrez Feminino no Brasil', lançado em 2006 como site de referência na divulgação e promoção da prática do jogo entre mulheres. Em 2020, publicou seu primeiro livro infantil, 'A Menina Que Não Sabia Jogar Xadrez', pela Flamingo Edições. Em 2022, publicou seu segundo livro dedicado a jogadores iniciantes, 'O Próximo Passo: Mulheres Ensinam Xadrez', pela Editora Solis. Desde 2021 faz parte da equipe de streaming do Chesscom Português.